Polícia
PMA prende 110 lasca de aroeiras em Bela Vista

20170607_125935[1]Bela Vista (MS) – Em uma propriedade rural, cerca de 50 km de Bela Vista, testemunhas relataram que na data de 06/06/2016, por volta das 16:30 horas, atendendo a um pedido de um homem de alcunha Chicão, que tem um rancho pesqueiro vizinho à Fazenda onde trabalham, o qual alegou que seu caminhão de transporte estaria atolado na estrada, bloqueando o transito, solicitando então apoio com um trator para retirada do referido veiculo.

Atenderam a solicitação de imediato, porem ao chegarem ao local constataram que o caminhão tipo caçamba não estava na estrada, mas sim nas terras pertencentes a Fazenda, da qual as três testemunhas são funcionários.

Em ato continuo notaram que a carroceria do veiculo estava carregado de madeira da essência aroeira, quando então chamaram atenção do autor, lhe alertando que ali era uma propriedade particular, que não poderia ser cortado arvores.

Neste momento foi ordenado que o autor deixasse a madeira, sendo atendido o pedido, no entanto o autor evadiu-se do local dos fatos, juntamente com outros 04 (quatro) indivíduos não identificados.

Na data de 08/06/2016 a PMA deslocou a fazenda Santa Maria e constou que houve o corte de 42 (quarenta e duas) arvores da essência aroeira dentro da área de reserva legal da propriedade, sendo que a pessoa indicada como autor abriu a cerca, adentrando a propriedade. No local dos fatos foram contabilizadas 110 (cento e dez) lascas e 28 (vinte e oito) esticadores da essência aroeira, resultantes da exploração ilegal da espécie especialmente protegida por lei. A multa e de R$ 21.000 (vinte mil reais).

20170608_091721[1]

Assessoria da PMA