Polícia
PMA autua oito pescadores em R$ 6,6 mil por pesca ilegal e apreende petrechos ilegais de pesca

PMA autua oito pescadores em R$ 6,6 mil por pesca ilegal e apreende petrechos ilegais de pesca

Campo Grande (MS) – Durante fiscalização fluvial no rio Amambai, entre a ponte da BR 163 ao Salto do Juti, Policiais Militares Ambientais de Naviraí, que trabalham na operação preventiva de Dia de finados, dentro da pré-piracema, autuaram entre o dia (1) e hoje (4), oito pescadores por pesca ilegal. Seis pescadores, de 31, 32, 34, 45, 45 e 46 anos, um residente em Naviraí, um residente em Ponta Grossa (PR) e quatro residentes em pérolas (PR) foram autuados por pescarem sem licença ambiental. Com os infratores foram apreendidos: dois molinetes com varas e 12 caniços de pesca.

Os policias efetuaram auto de infração administrativo e aplicaram multa no valor de R$ 700,00 contra cada autuado, perfazendo R$ 4.200,00. A pesca sem licença não é crime ambiental. Trata-se somente infração administrativa. Logo que sejam pagas as multas, os pescadores poderão ter os materiais restituídos.

Durante a fiscalização, dois paranaenses, residentes em Tuneiras do Oeste foram autuados por pesca predatória. Os infratores, de 34 e 46 anos, praticavam pesca utilizando anzóis de galho e uma fisga (petrechos proibidos). Com eles foram apreendidos 40 anzóis de galho e um fisga. Os pescadores foram autuados administrativamente e multados em um total de R$ 2.400,00 e também responderão por crime ambiental de pesca predatória e pegar uma pena de um a três anos de detenção.