Bela vista
Plantão de Policia: Ultimas ocorrências em Bela Vista

Violência doméstica

Bela Vista – MS. Na data 08/08/17, terça-feira, por volta das 09h30 a PM foi chamada via telefone 190 do cacique da Aldeia Indígena Pirakuá e de acordo com o solicitante, na data de 07 para 08 de agosto, o indígena daquela aldeia de 30 anos de idade teria agredido a esposa, 32 anos de idade, com o emprego de arma branca (punhal), deixando-a lesionada em diversos locais do corpo. Ainda conforme o solicitante e responsável pela segurança da aldeia, o acusado estaria sob sua custódia e que aguardava a presença da Polícia Militar para as devidas providências. Uma guarnição deslocou até a aldeiaencontrando a aproximadamente cinco quilômetros antes da aldeia uma equipe da FUNASA (Fundação Nacional da Saúde), os quais estavam realizando o transporte da vítima ao hospital para os cuidados médicos. Chegando a aldeia, o cacique se identificou e apresentou o acusado que recebeu voz de prisão e foi encaminhado àdelegacia de Polícia Civil de Bela Vista.

O exame de corpo de delito dos envolvidos, foi referenciado pela médica plantonista do Hospital São Vicente de Paula, Avítima tinha hematomas na coxa esquerda e nas costas um pequeno corte no braço e relatou que o fato teria ocorrido em virtude do alto grau de ingestão de bebida alcoólica por parte de seu marido e que as agressões iniciaram-se após tentar tomar uma certa quantia em dinheiro que o mesmo lhe havia dado para custear as despesas familiares. Disse ainda que conseguiu se desvencilhar de seu agressor e pedir socorro aos moradores locais, momento em que foi ameaçada de morte pelomarido caso as medidas legais fossem tomadas contra este. A ocorrência foi entregue na DP de Bela Vista juntamente com os envolvidos (autor e vítima) e o punhal utilizado pelo acusado para as providências.

PM cumpre mandado de prisão

Bela Vista – MS. Na data 08/08/17, terça-feira, por volta das 15h00 a PM em apoio ao oficial de justiça da Comarca foi até a Rua Santo Afonso – Centro e cumpriu mandado de prisão, encaminhando o homem de 68 anos de idade até a delegacia de Polícia Civil onde ficou à disposição da justiça.

Morte a esclarecer

Bela Vista – MS. Na data 08/08/17, terça-feira, por volta das 09h20, na fazenda Canaã trabalhadores daquela propriedade encontraram o colega de trabalho caído e com ferimentos na face, braço e costasjunto de um cavalo. A pessoa de Narciso Martins, 38 anos de idade, saiu por volta das 07 horas da sede da fazenda como de costume para cuidar de vacas de cria da propriedade. Por volta das 09h20 um colega que seguia de trator para abastecer de sal e ração as invernadas encontrou a vítima bastante machucado, ainda com os sinais vitais. Socorrido ao hospital São Vicente de Paula, Narciso Martins veio a óbito logo após dar entrada na casa de saúde. Inquérito policial instaurado na DP de Bela Vista irá apurar o ocorrido.

Violência doméstica

Bela Vista – MS. Na data 09/08/17, quarta-feira, por volta das 08h20 a PM foi até o bairro Costa e Silva, Rua Coronel Ponce. Acionada via telefone 190, por uma mulher de 53 anos de idade, para atendimento de violência doméstica, onde o amásio dela estaria agredindo com palavrões de calão. No local, a mulher disse que não queria representar contra o acusado e que era apenas para retirar o mesmo da residência. Os policiais foram dialogar com o autor o mesmo começou a xingar os policiais e diante disso recebeu voz de prisão e encaminhado a DP para providências.

Acidente de trânsito

Bela Vista – MS. Na data 10/08/17, quinta-feira, por volta das 11h30 a PM foi até a Vila Canaã, Rua Barão do Triunfo esquina com Jerusalém. Acionada via telefone 190, pelo motociclista de 36 anos de idade relatando que sobre acidente de trânsito-colisão. No local indicado os policiais foram informados que uma criança de 12 anos de idade havia sido encaminhado, por populares, ao Hospital São Vicente de Paula para receber atendimento médico.

O motociclista passou a relatar que trafegava pela Rua Barão do Triunfo sentido de deslocamento sul para norte, conduzindo a motocicleta da marca Honda CG 150 Titan KS, de cor verde e placa de Bela Vista-MS quando no cruzamento com a Rua Jerusalém na Vila Canaã, surgiu à sua frente criança/vítima conduzindo a bicicleta da marca Mormaii de cor preta. Segundo o motociclista, a criança teria dito a ele que não conseguiu parar no cruzamento, pois a bicicleta estava sem freio, ocorrendo a colisão.

No hospital os policiais foram informados que a criança sofreu escoriações no braço e perna esquerda e luxação no ombro direito, ficando sob observação médica. O motociclista sofreu escoriação no braço esquerdo. A bicicleta teve danos no aro dianteiro, pé de vela, pedal direito e a motocicleta teve danos na parte frontal (farol, painel, setas e tanque de combustível). A ocorrência foi entregue na DP de Bela Vista.

Violência doméstica

Bela Vista – MS. Na data 10/08/17, quinta-feira, por volta das 20h20 a PM foi até o bairro Costa e Silva, Rua Alcebíades Bobadilha da Cunha a guarnição da PM foi acionada via telefone 190para atender uma ocorrência de lesão corporal – violência doméstica e danos no endereço citado. No local a vítima, adolescente de 15 anos de idade relatou que seu namorou com o acusado, 19 anos de idadepor um ano e sete meses, e que estava brigada com o mesmo, que na data de ontem estava indo para casa de uma amiga, quando próximo ao Paço Municipal deparou com o ex, que conduzia uma motocicleta e a acompanhou até Rua Rosalino Lino Leite, momento em que pararam para conversar, sendo que o rapaz a abraçou e nesse momento retirouo aparelho decelular Marca Sony, modelo Xperia, de cor preta, que a menina trazia na cintura.

Em ato contínuo o rapaz deixou o local, e a menina então se deslocou até a residência dele, eapós fazer ligação do celular da mãe do autor conseguiu contato com o mesmo, que compareceu ao local e iniciou uma discussão que resultou em vias de fato. O rapaz teria se negado a entregar o aparelho celular para a vítima, o autor jogou o aparelho por várias vezes contra o muro da casa, que na tentativa de impedir que ele jogasse o aparelho contra o muro, a vítima tentou segurar o autor, que teria desferido um tapa contra o rosto da menina que e alguns arranhões no braço esquerdo, descritos na ficha de atendimento.  Em seguida os envolvidos foram encaminhados à DP para providências.