Esporte
Jair Ventura teve desempenho de rebaixado no Campeonato Brasileiro

Em 2018, Jair Ventura passou por dois grandes clubes de São Paulo mas não foi bem em nenhum. O treinador, que começou o ano no Santos e terminou no Corinthians, não conseguiu dar prosseguimento ao bom trabalho que executou no comando do Botafogo, entre 2016 e 2017, e acabou demitido do Timão após flertar com a zona de rebaixamento na reta final do Campeonato Brasileiro.

Os números de Jair Ventura no Brasileirão não são animadores. O técnico de 39 anos conquistou apenas 29 dos 84 pontos que disputou, aproveitamento de 34,5% que fica entre o vice-lanterna Vitória, que teve 32% de aproveitamento, e o 18º colocado América-MG, que conquistou 35% dos pontos disputados.

A passagem de Jair pelo Santos, apesar de mais curta do que a pelo Corinthians, foi melhor. Sob comando do treinador, o Alvinegro Praiano conquistou 15 dos 39 pontos disputados em 13 jogos, aproveitamento de 38%, o mesmo de Corinthians (13º), Chapecoense (14º) e Ceará (15º), que terminaram o campeonato com 44 pontos.

No Corinthians, Jair Ventura teve passagem mais longa, porém com resultados piores. Ele esteve à beira do campo em 15 partidas do Timão no Campeonato Brasileiro e conquistou apenas três vitórias. No total, o Corinthians de Jair somou apenas 14 pontos em 15 jogos, aproveitamento de 31%, entre Vitória (32%) e o lanterna Paraná (20%).

O desempenho de 2018 mostra uma queda brusca com relação ao trabalho de Jair Ventura no Botafogo. Em agosto de 2016, o treinador assumiu o clube carioca na zona de rebaixamento e terminou o Brasileirão na sexta posição, com vaga para a Libertadores. Já em 2017, o Botafogo ficou na décima posição com 53 pontos, aproveitamento de 46%.