Evangelho do dia
Evangelho de hoje: Lc 11,1-4
TEMPO COMUM
Um dia, num certo lugar, estava Jesus a rezar. Terminando a oração, dis-
se-lhe um de seus discípulos: “Senhor, ensina-nos a rezar, como também João ensinou a seus discípulos”. Disse-lhes ele, então: “Quando orardes, dizei: Pai, santificado seja o vosso nome; venha o vosso Reino; dai-nos hoje o pão necessário ao nosso sustento; perdoai-nos os nossos pecados, pois também nós perdoamos àqueles que nos ofenderam; e não nos deixeis cair em tentação”.
Comentário
Teu rosto emanava paz e os discípulos adivinharam que estavas orando… Como seria aquela oração? Como seria aquele olhar que convidava a descobrir algo novo? Sim, porque orar a teu Pai é sair da esfera do quotidiano e viajar com a mente e o coração até encontrar teu espírito no íntimo. É algo novo, distinto, é preciso aprender os modos, é preciso aprender a dispor-se para orar e aprazer-se com Deus e com as coisas de Deus.