Esporte
Carille assegura permanência e diz: “É chato enfrentar o Corinthians”

Fábio Carille garantiu permanência no Corinthians (Foto: Fernando Dantas/Gazeta Press)

O torcedor corintiano pode continuar tranquilo. Nesta segunda-feira, um dia após a conquista do Campeonato Paulista, o técnico Fábio Carille garantiu que planeja estar no comando do Corinthians por, pelo menos, mais três anos, manifestando o desejo de ficar.

“É um objetivo meu fazer com que os times brasileiros mudem, deem continuidade ao trabalho. Quem sabe não ficar mais três, quatro anos à frente do Corinthians, com uma filosofia e ideia, só dando continuidade com aquilo que o Mano (Menezes) plantou em 2008”, afirmou o treinador ao SporTV.

Na entrevista, o comandante do Timão ainda elegeu a maior característica do elenco campeão e reiterou que ainda não definiu a maneira de jogar da equipe. Carille reconheceu também a dificuldade que os adversários enfrentam jogando contra o clube do Parque São Jorge.

“Insistência. Ano passado, conseguimos uma equipe muito rápida, uma ideia de jogar com pivô. Esse ano, fomos campeões sem ter time formado. Insiste de uma forma, insiste de outra. Os jogadores têm entendimento, acho que essa é a marca”, completou.

“A forma tática de jogar ainda não encontrei. Mas ideias, na cabeça do jogador, são muito claras. Sei que jogar contra o Corinthians é chato, um time que sabe marcar, que sabe sofrer. Costumo falar: tem que saber sofrer. Tá tomando bola na trave, Cássio pegando, e o time parece tranquilo dentro de campo. Sei que é muito chato”, finalizou.