Esporte
Brasileiro e etíope vencem a etapa de Campo Grande do Circuito CAIXA

Brasileiro e etíope vencem a etapa de Campo Grande do Circuito CAIXA

São Paulo (SP) – Brasil e África dominaram o lugar mais alto do pódio na quarta etapa do Circuito de Corridas CAIXA, disputada neste domingo (1º de julho), no Parque das Nações Indígenas, em Campo Grande. A etíope Meseret Gezahegn Merine venceu pela segunda vez seguida na tradicional série de provas de rua, que comemora 15 anos de atividades ininterruptas em 2018. Ela ganhou em Salvador e agora repetiu o resultado na categoria Elite 10km na capital do Mato Grosso do Sul, com o tempo de 35min44. No masculino, o brasileiro Valdir Sergio de Oliveira, do Cruzeiro, foi o mais rápido para cruzar a linha de chegada em 31min22.

Meseret comemorou o segundo triunfo consecutivo, mas o tempo foi 36 segundos mais lento que em Salvador, onde terminou a prova do dia 10 de junho em 35min08. Quem também fez a festa neste domingo ensolarado e de temperatura amena (22 graus na largada, às 8h) na capital do Mato Grosso do Sul foi Joziane Cardoso da Silva. A brasileira repetiu o segundo lugar obtido em 2017, desta vez marcando 36min35. “A prova foi boa e o calor não estava tão forte. Estou feliz por estar novamente no pódio. Venho de recuperação da Maratona de Porto Alegre e ainda estou meio lenta para a pegada dos 10km. Agora é dar sequência no trabalho, pois vou em busca do índice para os 10 mil metros para os Jogos Pan-Americanos”, afirmou a atleta paranaense, de Nova Santa Bárbara, que venceu a meia maratona de São Paulo neste ano.

Na Elite 10km feminina, Meseret saiu na frente logo na largada. Joziane encostou no quarto quilômetro, mas sentiu uma fisgada no posterior da coxa e preferiu não forçar e arriscar uma contusão. Desta forma, controlou o ritmo para garantir o segundo lugar. E conseguiu, já que a terceira colocada, Jéssica Ladeira Soares, cruzou a linha de chegada 13 segundos depois. Completaram o pódio: Gabriela Letícia Rocha (37min24) e Jéssica Suzan Rodrigues Santos (41min24).

Entre os homens, os africanos não tiveram chance de lutar pela vitória. O pelotão da Elite 10km se espalhou e a partir do quilômetro quatro, a briga ficou entre Valdir Sergio de Oliveira e Pablo Fagundes da Costa. “O Pablo abriu no quilômetro 7, mas encostei pouco depois, no km 8,5, e passei no quilômetro 9. Não foi fácil, a prova estava muito lenta, mas o importante é a vitória”, conta o campeão Valdir, mineiro de Manga, que foi apenas 5 segundos mais veloz que o segundo colocado, que chegou aos 31min27. Completaram o pódio, os brasileiros Cosme Ancelmo de Souza (31min50) e Antônio Wilson Sousa Lima (32min16) e o queniano Johnathan Cheboswony (32min20).

A próxima etapa do Circuito de Corridas da CAIXA será em Recife, dia 29 de julho, mas Valdir não vai tentar a segunda vitória consecutiva. “Agora vou me preparar para buscar o índice para a maratona do Pan-Americano e para o Mundial. Tentarei conseguir as marcas entre dezembro deste ano e fevereiro de 2019 em Valência e Sevilha, na Espanha. As marcas ainda não estão definidas, mas devem ficar na cada de 2h15”, explica o atleta que treina em Belo Horizonte e tem 2h17 como melhor tempo para os 42km.

Aniversário de 15 anos – Criado em 2004, o Circuito CAIXA já recebeu mais de 285 mil pessoas em 133 provas pelo Brasil até 2017, seguindo de forma ininterrupta no objetivo de apoiar os atletas brasileiros de elite e incentivar o esporte entre os amadores. Além da Elite 10km masculina e feminina, o evento oferece provas de percurso para 10km e 5km para atletas amadores em geral, com opções para revezamento e caminhada.

Pegada do Bem – A temporada 2018 do Circuito de Corridas CAIXA segue com a campanha Pegada do Bem, que arrecada pares de tênis para serem encaminhados a entidades assistenciais nas cidades por onde passa. Em Campo Grande, as doações foram entregues tanto na retirada dos kits na loja da Centauro na sexta (29) e sábado (30), bem como como na arena neste domingo. A ideia da ação é incentivar a prática do atletismo em regiões de maior vulnerabilidade, reforçar ações já existentes nesse sentido e ainda impulsionar a descoberta de novos talentos.

O Circuito CAIXA é uma realização da HT Sports, com patrocínio da CAIXA Econômica Federal e co-patrocínio da Centauro, com apoio do Governo Federal, Indaiá e Nutry. A etapa de Campo Grande tem supervisão técnica da Federação Atletismo do Mato Grosso do Sul.

Resultados

Masculino
1) Valdir Sergio de Oliveira (Cruzeiro EC) – 31min22
2) Pablo Fagundes da Costa (Acop / Santa Helena de Goiás) – 31min27
3) Cosme Ancelmo de Souza (Bradesco) – 31min50
4) Antônio Wilson Sousa Lima (Federal Autopeças) – 32min16
5) Johnathan Cheboswony (Luasa Sports Caixa) – 32min20
6) Carlos Henrique de Souza (Prats) – 32min49
7) José Alves da Silva Junior (Luasa Sports Caixa) – 33min
8) Wycliffe Kipteek Chemtingen (Coquinho-Fila / Bioleve) – 33min39
9) André Rodrigues do Nascimento (Percurso Livre) – 35min10

Feminino
1) Meseret Gezahegn Merine (Luasa Sports Caixa) – 35min44
2) Joziane Cardoso da Silva (Londrina/Caixa) – 36min35
3) Jéssica Ladeira Soares (File e Marcia Narloch) – 36min48
4) Gabriela Letícia Rocha – 37min24
5) Jéssica Suzan Rodrigues Santos – 41min24


Etapas do Circuito de Corridas CAIXA 2018
1ª etapa – 13/05 – Belo Horizonte
2ª etapa – 19/05 – Uberlândia
3ª etapa – 10/06 – Salvador
4ª etapa – 01/07 – Campo Grande
5ª etapa – 29/07 – Recife
6ª etapa – 05/08 – Fortaleza
7ª etapa – 26/08 – Porto Alegre
8ª etapa – 16/09 – Ribeirão Preto
9ª etapa – 14/10 – Curitiba
10ª etapa – 21/10 – São Paulo
11ª etapa – 25/11 – Brasília
12ª etapa – 08/12 – Goiânia