Destaques
Antônio João Produção da Horta Municipal beneficia escolas e hospital

O SCFV (Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos) também é atendido pelo projeto. (Foto. Serginho Bazzano)

Antonio João (MS) – Consumir produtos fresquinhos que acabam de ser colhidos é uma excelente alternativa para manter uma alimentação de qualidade e uma boa saúde. Mas nem sempre as pessoas se importam com isso, muitas vezes porque nunca tiveram a oportunidade de receber orientação na escola sobre o que é uma boa alimentação. Em Antônio João, o Governo Municipal, visando atender os Centros de Educação Infantil (CEI), escolas municipais, o Hospital Municipal, o Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos (SCFV), lançou no primeiro semestre deste ano o projeto “Horta Livre”, o qual propicia alimentação sadia dentro das instituições públicas.

O projeto do Governo Municipal de Antônio João é desenvolvido através da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e Meio Ambiente. O objetivo é garantir alimentação de qualidade em todas as unidades de educação infantil, nas escolas municipais e também no hospital municipal. A Organização Mundial da Saúde (OMS) recomenda, no mínimo, 400 g de vegetais por dia – entre hortaliças e frutas – para que haja a prevenção de doenças crônicas. A Pirâmide Alimentar Brasileira, que é um Guia Alimentar adaptado à nossa população, recomenda em uma dieta de 2.000 kcal/dia, pelo menos três porções de hortaliças e incluindo também as frutas. É importante ressaltar que esta quantidade poderá variar dependendo das calorias da dieta e de outras necessidades específicas de cada pessoa.

Cenouras colhidas na Horta Municipal de Antônio João. (Foto. Serginho Bazzano)

O secretário municipal de Desenvolvimento Econômico, Jayme Schneider, que coordena o projeto “Horta Livre”, disse que a produção da Horta Municipal é entregue de acordo com a demanda das repartições. Ele informou que atualmente as hortaliças são entregues para os Centros de Educação Infantil, para a Escola Municipal Maika Sanabria, Escola Municipal Mbo Eroy Tupã’í, ao Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos – SCFV – e ao Hospital Municipal. “Também atendemos as famílias em risco de vulnerabilidade alimentar, tais como idosos e pessoas com deficiências. A meta do Governo Municipal é expandir o projeto para atender cada vez mais cidadãos do nosso município”, disse.

Atualmente o projeto “Horta Livre” produz hortaliças como alface, almeirão, cheiro verde, cenoura, abóbora, tomate, couve-flor, entre vários outros produtos que são colhidos diariamente. O secretário Jayme Schneider disse que o projeto tem um coordenador de produção dentro da horta, Diogo Coutinho, e ressalta que sempre que as entidades municipais precisam de produtos telefonam para o Governo Municipal que providencia imediatamente a entrega dos alimentos fresquinhos. “É um trabalho que vem dando bons resultados e a tendência é só crescer no município”, destacou.

Couve-flor produzida no espaço da Horta Municipal. (Foto. Serginho Bazzano)

Horta Municipal também conta com a produção de tomates. (Foto. Serginho Bazzano)

Prefeitura de Antônio João desenvolve projeto “Horta Livre”. (Foto. Serginho Bazzano)