Polícia
ACEPP alerta comerciantes sobre Golpe da Lista Telefônica

?????????????????????????????????????????????????????????Ponta Pora (MS) – O Presidente da Associação Comercial e Empresarial de Ponta Porã (ACEPP), Amauri Ozório Nunes, faz um alerta aos comerciantes associados, no sentido de tomarem cuidado com empresas de publicidades que diz promover uma Lista Telefônica propaganda em Sites, que vem telefonando para os comerciantes de Ponta Porã de forma inadequada. Poucos minutos após o telefonema, um fax, com uma pseudo proposta de publicidade preenchida a mão com todos os dados da empresa, sugerindo assinatura e reenvio (por fax) da proposta, com o compromisso de pagamento via boleto bancário em 12 parcelas no valor de R$ 300,00 mensais.

A ação é aparentemente simples. De forma confusa o contato é feito e o atendente da empresa abordada que não entendendo bem o que se passa, acaba assinando e o compromisso é feito após o reenvio do fax, passando a ter uma dor de cabeça para se desfazer o negócio fraudulento. “O objetivo dos golpistas, é sempre pegar o comerciante desatento ou desorganizado” uma vez que nos dias de hoje são muitas as pessoas que se acham espertas. Existe uma série de golpes que tenta, exatamente, confundir o comerciante, pois, uma vez efetuado o pagamento, o dinheiro não retorna jamais.

Propostas em Listas Telefônicas, Sites de Buscas, Encartes em Jornais, Sites de compra e venda, bem como  as famosas cobranças bancárias indevidas em nome de associações e até mesmo contribuição associativa, são os tipos de golpes que acontecem com muita frequência no comércio em geral, com o intuito de pegar o lojista atarefado e na dúvida conseguir o depósito através de boleto falso.

A ACEPP alerta que toda e qualquer cobrança deva ter um documento que justifique a cobrança pela rede bancária.  “Na dúvida o comerciante não deve pagar absolutamente nada”, ou consulte seu contador.

O Presidente da ACEPP Amauri Osório lamenta esse tipo de comportamento ilegal, pois, empresas sérias são prejudicadas por esta prática nociva. “O importante é que as pessoas saibam deste tipo de golpe e tomem os devidos cuidados ao efetuarem o pagamento através de cobrança bancária”, alerta Amauri Osório em comunicado enviado à emissora Líder FM 104,9.