Destaques
Morador de MS é torturado e marcado com ferro quente no Paraguai

Homem de 51 anos foi espancado e queimado com ferro de marcar boi (Foto: Porã News)

Pedro Juan Caballero (MS) – Um brasileiro de 51 anos de idade, que seria morador em Campo Grande, foi torturado por dois homens em Pedro Juan Caballero, cidade paraguaia vizinha de Ponta Porã, a 323 km de Campo Grande. Roberto Carlos Gonçalves da Silva chegou a ser queimado com um ferro de marcar boi, segundo a polícia.

O homem está internado no hospital de Ponta Porã e o caso é investigado por policiais paraguaios e agentes do SIG (Serviço de Investigações Gerais), da Polícia Civil. A polícia espera chegar aos autores nos próximos dias.

Conforme o site Porã News, Roberto teria sido abordado pelos dois homens por volta de 7h, perto do terminal rodoviário de Pedro Juan, ao lado da Lagoa Punta Porã. A dupla teria tentado tomar a bicicleta do brasileiro, mas como ele se negou a entregar, foi levado a um local ainda não identificado, onde foi espancado e sofreu várias queimaduras provocadas pelo ferro de marcar boi, com as iniciais “JA” ou “JN”.

Encontrado por moradores na rua bastante machucado, Roberto foi levado pelo Corpo de Bombeiros até o Hospital Regional de Ponta Porã, onde está internado. A polícia aguarda a recuperação da vítima, para tentar descobrir alguma pista sobre o ocorrido.

Os investigadores pediram a quem tenha conhecimento sobre o caso para fazer a denúncia através do telefone (67) 99802-2465. O denunciante terá a identidade mantida em sigilo.

Fonte: Campo Grande News