Evangelho do dia
Evangelho de hoje: Jo 19,25-27 ou Lc 2,33-35
TEMPO COMUM
Junto à cruz de Jesus estavam de pé sua mãe, a irmã de sua mãe, Maria, mulher de Cléofas, e Maria Madalena. Quando Jesus viu sua mãe e perto dela o discípulo que amava, disse à sua mãe: “Mulher, eis aí teu filho”. Depois disse ao discípulo: “Eis aí tua mãe”. E dessa hora em diante o discípulo a recebeu como sua.
Comentário

De tua mão venho, Mãe do Calvário. Sem ti, tudo em mim teria sido arrasado. Agora me resta esperar a teu lado. Sei que manterás minha fé e não deixarás meu coração decepcionado. Minha casa é tua casa, tua casa é minha casa, e juntos poderemos chorar e falar. Mãe, desperto em dores e em amores, em silêncios e desconcertos… Confio-me à tua fé. apoio-me em teu olhar firme e sereno neste instante de loucura e de absurdo.